O que é a Tokenização no Mundo das Criptomoedas?

Você já ouviu falar em tokenização? Qual é a importância desse assunto no mundo das criptomoedas? Descubra o que é a tokenização e a sua relevância!

0 60

Você já ouviu falar em tokenização? Para alguns, a palavra pode ser estranha, contudo, o termo é familiar para aqueles que já estão inseridos no mercado das criptomoedas e têm contato com os tradicionais tokens.

 

O universo financeiro conta com áreas pouco exploradas, que são acessíveis somente para um número pequeno de investidores, seja aplicações em startupsprivate equity ou até mesmo ativos de alto retorno. E geralmente, é através dos tradicionais tokens que esse grupo de investidores exclusivos tem acesso a tais ativos.

 

Quando falamos de tokenização, estamos nos referindo à utilização de tokens digitais e criptografados para representar a propriedade de ativos do mercado. Logo, os tokens podem servir para simbolizar bens tangíveis, ações, propriedades intelectuais de uma pessoa e outros ativos.

 

Mas, afinal, qual a importância disso no mundo das criptomoedas? Vem com a gente e descubra o que é a tokenização e a sua relevância!

 

 

O que são criptomoedas?

 

Para entender todo o processo de tokenização, antes de tudo, é preciso compreender o conceito de criptomoeda e o que essa categoria de ativos financeiros representa. 

 

As criptomoedas são moedas digitais que não possuem unidades físicas e circulam somente no ambiente virtual. Elas podem ser descentralizadas ou centralizadas (ou seja, a configuração de sua rede e forma de funcionamento podem ou não depender de um banco central ou de uma instituição financeira).

 

Esses ativos são utilizados até mesmo para a negociação de compras de bens e serviços e, graças à sua universalidade, não existem barreiras territoriais que impeçam a circulação das criptomoedas.

 

A primeira criptomoeda que surgiu no mercado financeiro foi o Bitcoin, que com a tecnologia de blockchain mudou, de uma vez por todas, o cenário digital, acarretando no desenvolvimento das demais moedas que conhecemos hoje em dia – as chamadas Altcoins.

 

Os criptomoedas mais populares atualmente são: Bitcoin, Ethereum, Tether, Litecoin, Ripple e Bitcoin Cash. Todas essas criptomoedas podem ser negociadas com Reais na Exchange Braziliex. Saiba mais!

 

 

O que são tokens?

 

O que é a Tokenização no Mundo das Criptomoedas?
O que é a Tokenização no Mundo das Criptomoedas?

 

Há quem confunda um token com uma criptomoeda, no entanto, as tecnologias são bem diferentes. Enquanto as criptomoedas são ativos financeiros que compõem o mercado, os tokens são “peças” que simbolizam determinado valor, bem ou ativo. 

 

Dessa forma, pode-se dizer que os tokens são distribuídos dentro do ecossistema do mercado financeiro como formas de recompensar investidores, com promessas de que, no futuro, eles terão algum valor em retorno.

 

Os tokens são muito usados em ICOs, onde investidores recebem eles em troca de investimento. Por exemplo, no desenvolvimento de uma nova criptomoeda, quando um indivíduo faz um investimento para ajudar na manutenção de custos, em troca ele ganha um token que, após a moeda ser lançada, poderá ser convertida em unidades do criptoativo. 

 

Com isso, os tokens, em linhas gerais, representam um ativo digital que se utiliza da tecnologia blockchain a fim de simbolizar determinado valor ou bem.

 

 

Criptomoedas e a tokenização

 

Entender o que é a tokenização, agora, é simples: dentro do mercado das criptomoedas, o uso e a distribuição de tokens configura o processo da tokenização, que prevê a utilização de ativos digitais com o intuito de simbolizar certo valor que, futuramente, poderá ser resgatado. 

 

Logo, a tokenização representa o uso de “chaves” que levam o usuário à certa reserva de bens. 

 

Os ICOs, por exemplo, dependem bastante do uso dos tokens e são responsáveis por promover, em grande parte, a tokenização. A distribuição de tokens em financiamentos para o desenvolvimento de projetos é muito comum e, por isso, a disseminação do uso de tais ativos é ampla. 

 

Além disso, por se adaptarem à tecnologia de blockchain, eles possuem uma série de atributos que tornam a circulação positiva e recomendada. Confira:

  • Acessibilidade: com o uso de blockchain, é possível controlar com mais precisão quem são os donos dos tokens.
  • Divisível: os tokens também não possuem um limite mínimo de emissão, logo, há a possibilidade de dividir um ativo subjacente em pequenas frações, representando-as com tokens.
  • Eficiência: com a tecnologia blockchain, o uso de intermediários não é mais necessário, sendo possível concluir negociações por um custo menor. 
  • Transparência: por fim, o blockchain propõe a total transparência das operações, registrando os dados e informações de transferências na própria rede, sem possibilidade de alterações ou fraudes. 

 

Tipos de token

 

Outra informação importante é que os tokens também possuem diferenças entre si e, dessa forma, cada tipo pode ser classificado dentro de uma categoria, que se divide em: utility token, coin tokensecurity token

 

 

Utility token

Os Utility tokens são moedas com funções específicas, que possuem, por fim, uma utilidade determinada. Eles, portanto, dão acesso a produtos ou serviços disponibilizados por uma empresa e por isso não são ativos de especulação. 

 

Coin token

Coin tokens, por outro lado, têm valor financeiro e são espécies de moedas digitais, que podem ser utilizadas na compra e venda de bens e serviços – assim como o dinheiro tradicional. 

 

Security token

O Security token, por fim, é um ativo que tem o seu valor derivado de um ativo externo que pode ser negociado. Logo, ele está sujeito a leis federais que regem, por exemplo, valores imobiliários. 

 

Contudo, há um outro tipo de funcionalidade para o security token: ele pode representar as ações de uma empresa. 

 

 

Vantagens da tokenização em seus investimentos

 

Uma das principais vantagens de utilizar tokens em seus investimentos é o acesso simplificado a ativos de alta performance que, geralmente, são restritos para os grandes investidores e organizações financeiras. 

 

Em outras palavras, você consegue ter acesso, através dos tokens, a investimentos que normalmente não estariam ao seu alcance, podendo, então, apostar em ativos de alta performance e buscar altos lucros com isso.

 

Para os detentores dos ativos, por outro lado, a liquidez é muito maior com o uso dos tokens. Logo, a tokenização de um ativo alternativo em milhares de tokens de baixo valor unitário permite o acesso facilitado ao mercado e, com isso, a liquidez do ativo se torna elevada. 

 

A tokenização é um processo vantajoso, no qual com muito estudo e avaliação, vale a pena apostar dentro do mercado financeiro. Então, se você está pensando em investir em criptomoedas, conheça a Braziliex, uma das maiores exchanges do Brasil, e não deixe de conferir também O que são os Ethereum DApp.

 

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.