Liquidez das criptomoedas: o que você precisa saber?

A liquidez das criptomoedas é determinante para quem deseja investir. Não basta conhecer de forma superficial, é preciso estudar e se aprofundar no mercado.

0 436

Você já ouviu falar em liquidez das criptomoedas? O termo é bastante popular e, para quem investe, representa um fator crucial no momento da compra e venda de ativos financeiros.

 

A liquidez pode ser explicada como o grau em que um bem capitalizado pode ser convertido em dinheiro. Isso pode ser aplicado às criptos, moedas fiduciárias, bens e ações. Portanto, entender a liquidez das criptomoedas é fundamental para garantir uma experiência positiva no mercado financeiro.

 

Pense bem, se você deseja lucrar com determinado investimento, ele deve possuir, essencialmente, uma boa liquidez, podendo ser facilmente convertido em dinheiro – digital ou fiduciário. 

 

Essa espécie de “troca”, por sua vez, é crucial e exige um nível elevado de conhecimento sobre o mercado, de modo a obter bons resultados no investimento. Sendo assim, entender o assunto a fundo faz toda a diferença.

 

Por isso, preparamos um guia completo sobre a liquidez das criptomoedas, desde os conceitos básicos até a importância de investir em ativos líquidos. Chegou a hora de se aprofundar no universo dos criptoativos e entender como o mercado funciona na prática.

 

Continue lendo e descubra porque a liquidez das criptomoedas é tão relevante!

 

 

O que é liquidez?

O dicionário define liquidez como a propriedade do que é facilmente negociável e convertível em dinheiro. Dentro do cenário das criptomoedas, este conceito que vem da economia, representa o grau de facilidade em que uma criptomoeda pode ser convertida em dinheiro fiduciário, ou seja, papel-moeda.

 

Logo, a liquidez das criptomoedas nada mais é do que a quantidade de um ativo negociável. Dessa forma, é através do dinheiro fiduciário – como o dólar e o real – que a liquidez de uma criptomoeda é definida, devido a sua estabilidade e fácil valor de troca, compra, venda, pagamentos de débitos, etc. 

 

Por fim, a liquidez das criptomoedas é caracterizada pela rapidez da negociação, que não sofre com a baixa demanda e, assim, faz as moedas gerarem lucro com facilidade.

 

Tendo isso em vista, diferente dos ativos não-líquidos, os criptos que possuem uma alta taxa de liquidez são melhores para investimentos de curto ou longo prazo, capazes de trazer rendimentos ao decorrer de meses ou anos.

 

Mas, afinal, o que faz um ativo ser considerado como não líquido? 

 

Diferente dos ativos que apresentam liquidez – e podem ser negociados com facilidade – os ativos não líquidos, ou não circulantes, são bens e direitos, como imóveis, máquinas, equipamentos, veículos ou recursos naturais. Assim, eles não podem ser convertidos em capital em curto prazo. Ou seja, são bens de permanência duradoura.

 

Deste modo, enquanto os ativos líquidos podem ser negociados rapidamente no mercado, sem muita demora, os ativos não circulantes são limitados e por configurarem itens de permanência, mais difíceis de negociar.

 

 

Importância da liquidez das criptomoedas

Liquidez das criptomoedas: o que você precisa saber?
Liquidez das criptomoedas: o que você precisa saber?

Na hora de comprar ou vender, a liquidez das criptomoedas é fundamental, pois é através dela que o investidor poderá determinar se vale ou não a pena comprar um ativo financeiro, agregando mais opções à sua carteira.

 

A negociação das criptomoedas pode ser feita de diversas formas. É possível trocar Bitcoins por Ether, por exemplo, ou negociar uma infinidade de Altcoins por dólares, reais e até mesmo euros. O mercado é vasto e quem decide a melhor forma de negociar é você, investidor.

 

Saiba mais sobre as moedas alternativas ao Bitcoin em: Altcoin: conheça outras opções além do Bitcoin!

 

No entanto, para que o retorno seja positivo é preciso conhecer o ativo negociado, de modo a verificar sua liquidez e, por fim, sua rentabilidade. 

 

A liquidez das criptomoedas é resultado de uma série de fatores que influenciam, de maneira direta ou indireta, a negociabilidade dos ativos, como o volume de transações, número de exchanges, regulamentação e também a aceitação perante ao público.

 

O volume de transações é um dos fatores mais importantes e caso a taxa esteja baixa, dentro de um período de 24h, significa que os níveis de negociação estão baixos e, portanto, a liquidez estará baixa. Isso, por sua vez, afeta negativamente o mercado de criptomoedas, resultando em um menor lucro.

 

Além disso, a quantidade de exchanges ativas deve ser levada em conta. Quanto mais delas existirem com negociações ativa de uma determinada moeda, maior a atividade do mercado, elevando assim a liquidez. 

 

Essas informações podem ser facilmente consultadas no CoinMarketCap!

 

Logo, a liquidez das criptomoedas é quem define o total dos lucros e rendimentos dos investidores, pois não adiantará negociar uma criptomoeda que não tem aderência no mercado. Imagine que se você comprar uma criptomoeda sem liquidez, não terá a possibilidade de vendê-la a qualquer momento.

 

 Fortemente influenciada pelo mercado, esta propriedade está intrínseca às moedas e por isso é preciso conhecê-la antes de investir, de modo a obter bons resultados na hora de negociar.

 

 

Vantagens existentes com a liquidez das criptomoedas

Pode-se afirmar que a liquidez das criptomoedas é um benefício, uma vantagem a ser procurada. A liquidez pode ser conveniente por uma série de razões, como a estabilidade de negociações, rapidez com que uma operação é iniciada e encerrada e também preços justos. Logo, buscar pela liquidez no mercado de criptomoedas é essencial.

 

O primeiro ponto a destacar é a oferta de moedas e, portanto, a otimização dos preços. Devido a um maior número de compradores e vendedores no mercado, o valor de negociação das criptomoedas passa a ser mais justo e acessível, para que mais pessoas participem, aumentando a competitividade e a alta das atividades.

 

Além disso, a liquidez das criptomoedas é capaz de garantir uma maior estabilidade no mercado, promovendo o equilíbrio graças a menor possibilidade de “baleias” influenciarem o cenário econômico. Outra vantagem da liquidez nas criptomoedas é o tempo de negociação, que se torna menor devido ação mais rápida do mercado. 

 

Por consequência, ao analisar a liquidez dos ativos, tem-se mais precisão na hora de investir, pois assim é possível identificar oportunidades que oferecem maiores lucros.

 

A liquidez das criptomoedas é determinante para quem deseja investir. Não basta conhecer de forma superficial o assunto, é preciso estudar e se aprofundar no mercado, visando o sucesso nas negociações e investimentos que sejam rentáveis para as carteiras, gerando lucro em curto, longo ou médio prazo de acordo com sua estratégia!

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.