É possível pagar contas com Bitcoin? Veja 3 ferramentas úteis para isso!

Criptomoedas para além dos investimentos: veja bons motivos para aderir ao meio de pagamento e 3 ferramentas para te ajudar a pagar contas com Bitcoin!

0 63

Pagar contas com Bitcoin: um dos propósitos da criptomoeda

 

Em um cenário onde a tecnologia é algo fundamental para a vida de qualquer um, cada vez mais, novas ferramentas surgem alterando a forma como nós lidamos com o que está ao nosso redor.

No geral, as novas tecnologias nos permitem explorar o mundo de maneira diferente, com mais praticidade e rapidez nas relações e negócios.

Os avanços tendem a impactar de forma direta todos os campos do nosso dia a dia, desde como nos relacionamos com as pessoas até a maneira como fazemos compras. 

Afinal, hoje em dia você sequer precisa sair de casa para comprar roupas, medicamentos e, até mesmo, comida – com a tecnologia, é possível ter tudo na palma da mão. 

 

Por conta disso, os hábitos não são os mesmos – e o dinheiro também não.

 

Agora, com a tecnologia de Blockchain, até o nosso dinheiro pode ser digital. A Blockchain vem ganhando mais destaque, e pouco a pouco os investidores e profissionais optem pela moeda eletrônica, ao invés da tradicional. 

O Bitcoin e as demais criptomoedas estão conquistando o seu espaço no mercado, onde já deixaram de ser uma tecnologia restrita a investidores da bolsa e passaram a ganhar o público em geral. 

Tanto é que empresas já estão investindo no pagamento de seus funcionários com criptomoedas e também oferecendo produtos que podem ser adquiridos com as criptomoedas. 

 

A nova onda mostra um universo ainda não explorado com a popularização e uso cotidiano do Bitcoin.

A praticidade de poder pagar contas com Bitcoin é o ponto principal que faz com que, não só os investidores, mas também o público geral, esteja cada vez mais interessado nessa tendência.

Então, se você deseja saber mais sobre a técnologia, seus usos práticos e como pagar contas com Bitcoin, continue lendo este artigo e entenda como.

 

 

Bitcoin: a moeda mundial 

 

Apesar de ter acontecido um “boom” apenas nos últimos anos, as criptomoedas estão –  desde meados de 2009 – tentando conquistar seu espaço na economia mundial.

O Bitcoin não é uma tendência que surgiu agora, mas a sua supervalorização recente fez com que a criptomoeda voltasse para o radar – e ganhasse novos olhares – dos investidores em todo mundo.

 

O fato é que, hoje em dia, todo mundo quer um Bitcoin para chamar de seu. Devido à essa tendência, o uso do criptoativo ficou ainda mais fácil. Afinal, qualquer um pode utilizar a nova moeda, que não possui fronteiras ou taxações. 

Pode-se dizer que popularização da moeda, por conta do seu crescimento dos últimos anos, fez com que o Bitcoin estivesse cada vez mais no radar de investidores e profissionais, que apontam um futuro promissor para as criptomoedas.

 

O Bitcoin oferece várias vantagens com a utilização desse tipo de dinheiro, de forma a tornar comum o seu uso. 

O Bitcoin é uma moeda mundial, sem fronteiras territoriais ou controle governamental, e é isso que faz com que o investimento na moeda seja seguro e vantajoso. 

 

Segundo pesquisas feitas pelo CoinMap – responsável por indicar os lugares do mundo onde há aceitação e utilização de criptomoedas –, em 2013 o total de empresas que eram simpáticas aos criptoativos era de cerca de 1.700 ao redor do mundo. 

 

Já em 2018, esse total subiu para cerca 14.100 empresas “crypto-friendly” ao redor do globo. Esse mercado mostrou-se muito forte em locais como a América do Norte, América do Sul, Europa e parte da Ásia. 

 

 

Crescimento da utilização das criptomoedas

 

A crescente das criptomoedas está chegando para ficar no Brasil e os resultados da sua aplicação ao redor do mundo traz um cenário positivo para os investidores. 

Na Nova Zelândia, por exemplo, o pagamento de salários com Bitcoin é legalizado e, inclusive, incentivado pelo governo local. 

Na Suíça, Swiss Crypto Valley atrai investidores a todo o momento, que levam sedes de empresas para o local que é destaque no mundo dos criptoativos. 

 

Vale ressaltar que essas tendências não são pontos isolados de uma equação. Afinal, países como Estados Unidos, Coreia do Sul, Japão e Taiwan também se destacam no uso das criptomoedas ao redor do mundo. 

Além disso, na América do Sul, o uso dos Bitcoins está cada vez maior, comprovando a popularização dos criptoativos no cenário econômico. 

 

 

O novo mercado 

 

A tendência do Bitcoin não está mais somente nas carteiras dos investidores das bolsas de valores. Hoje em dia, o público adepto a esse tipo de moeda está em todos os lugares: eles são profissionais da tecnologia, freelancers e pequenos investidores, que veem o potencial da criptomoeda a médio e longo prazo. 

 

A abertura do mercado para a utilização das criptomoedas cria uma porta para o crescimento da moeda e disseminação de seu uso, por um público mais geral e que não se limita a investidores. 

O Brasil tem aparecido no topo das listas de países que mais utilizam Bitcoin no mundo, sendo destaque em diversos setores da economia do país, onde os empreendedores utilizam as criptomoedas para realizar pagamentos e compras.

No mercado imobiliário, por exemplo, pagar contas com Bitcoin está se tornando algo comum em transações e compras de imóveis. 

 

Além disso, empresas como Real Valeu e Katz já aceitam o pagamento com criptomoedas, o que demonstra como a utilização do Bitcoin já vem sendo amplamente aceita. 

 

 

No dia a dia, é possível pagar contas com Bitcoin?

 

Sim! Pagar contas com Bitcoin já é possível – e comum. Com a possibilidade de pagar contas com Bitcoin, o uso da moeda em nossa rotina está se tornando mais comum, principalmente com o surgimento de aplicativos que auxiliam o pagamento de contas com as criptomoedas.

Alguns estabelecimentos, lojas e restaurantes já aceitam Bitcoin como pagamento.

 

 

Mas, então, como pagar contas com Bitcoin?

 

Como pagar contas com Bitcoin?
Como pagar contas com Bitcoin?

 

Quando você possui uma determinada quantidade de Bitcoin em sua carteira, pagar contas com Bitcoin pode ser fácil. 

O ponto-chave da questão é: grande parte de suas despesas podem ser pagas através de boletos. 

Assim como existem aplicativos que fazem o intermédio de transações, como máquinas de cartões online para o pagamento de boletos com cartão de crédito, para as criptomoedas isso também é uma realidade. 

No mundo digital, existem sites que permitem que você transfira as suas criptomoedas para realizar o pagamento de boletos tradicionais – Paguecombitcoin, Kamoney e GlobalMoney Tradin são alguns deles. 

 

Dessa forma, da mesma maneira que pagamentos são feitos via internet banking ou outros aplicativos, basta você depositar os seus Bitcoins no site, copiar o código do boleto e efetuar o pagamento. Viu como é simples pagar contas com Bitcoin?

 

Com essas ferramentas, portanto, é muito fácil pagar contas com Bitcoins e utilizar as moedas digitais no seu cotidiano.  A opção é uma verdadeira “mão na roda” para quem ganha ou converte sua renda em Bitcoin e não deseja liquidá-los.

 

Além disso, esta utilização é muito mais segura. Afinal, os Bitcoins não possuem taxação e têm zero ligação com qualquer governo. Assim, caso ocorra algum problema com a economia do país, o seu dinheiro estará seguro na carteira, protegido pela tecnologia blockchain, onde ninguém, além de você, terá acesso. 

 

No entanto, tudo depende de como é o seu comportamento de consumo. Isso porque o pagamento via boleto pode ser mais trabalhoso e demorado, o que pode não agradar quem curte praticidade e rapidez. Com isso, é importante considerar quais são os seus objetivos e desejos na hora da compra. 

 

Quem busca por simplicidade, pode acabar não se adaptando com o modelo de pagamento de contas via boleto com o Bitcoin.  Esse sistema, por sua vez, é mais vantajoso quando as compras possuem um valor mais alto, como é o caso do mercado imobiliário, onde há uma crescente no pagamento com Bitcoins.

O contexto em relação ao tipo de compra e ao valor é algo essencial na hora de decidir se vale a pena pagar contas com Bitcoin ao invés da moeda tradicional. 

 

Existem muitas empresas que trabalham com o pagamento em Bitcoin, o que torna mais simples o processo de compra e pagamento. 

 

 

Como comprar Bitcoin?

 

Em um cenário onde o Bitcoin está em alta e sua funcionalidade se estende para algo muito além das carteiras de investimento, uma questão que paira a cabeça de qualquer um é: como comprar Bitcoin?

 

Todos querem fazer parte dessa onda de inovação que vem ganhando o mercado mundial, no entanto poucos sabem como investir nas criptomoedas. 

A principal forma de conseguir as criptomoedas, atualmente, é através das exchanges, corretoras de Bitcoin e outras criptomoedas que realizam transações particulares e conectam você às moedas eletrônicas como, por exemplo, a Braziliex

 

Todavia, existem outras opções que talvez você não conheça. Veja quais são:

 

1. Venda de produtos em troca de Bitcoin

Um método não tão tradicional como as bolsas de Bitcoin é vender alguns produtos em troca das criptomoedas, que pode ser um bom negócio para quem deseja reunir um patrimônio em criptoativos.

Hoje em dia existem plataformas que atuam nesse tipo de transação, intermediando a troca de Bitcoin entre os vendedores e compradores.

 

2. Compra direta

Outra opção é comprar diretamente de vendedores, sem o intermédio de exchange ou plataforma de suporte a este tipo de transação. 

Dessa maneira, a compra funciona assim como qualquer outro processo de transação: basta depositar o valor combinado na conta do vendedor e, da mesma forma, ele irá passar para você os Bitcoins comprados, diretamente na carteira. 

 

3. Minerar Bitcoin

Além disso, é possível minerar Bitcoin através de um hardware específico para este tipo de serviço. 

Existe um protocolo de Bitcoin que evita a emissão dupla de transações através da comprovação coletiva – conhecida como “Mineração”. Assim, quem auxilia no suporte, por meio do hardware de mineração, recebe uma recompensa em bitcoins pelo serviço. 

 

Exchanges

De qualquer forma, é importante deixar claro que a principal maneira de comprar Bitcoin é através das exchanges, que atuam como corretoras de criptomoedas, conectando, de forma segura, o investidor ao investimento. 

As exchanges são uma espécie de bolsas de Bitcoins, responsáveis pela transação das criptomoedas de forma segura para quem vende e para quem compra.

O trabalho das corretoras está em fazer as transações dos Bitcoins com segurança e privacidade, impedindo que o comprador conheça quem está vendendo e vice-versa.

 

Esta é, de fato, a maneira mais segura de comprar ou vender Bitcoins, pois com a exchange você garante todo o auxílio necessário para que não ocorram erros na hora de comprar e transferir as criptomoedas. 

Além disso, as corretoras trabalham de acordo com a oferta e demanda do mercado, portanto, o preço pode variar com as ordens de compra ou venda dos Bitcoins. Sendo assim, se alguém oferece as criptomoedas por um determinado valor e outro estiver disposto a comprar, a ordem é executada e a transferência é feita. 

Como deu para perceber, os Bitcoins se mostram, cada vez mais, como uma forte tendência no novo mercado e a abertura do público para a utilização da moeda pode tornar o processo do uso rotineiro do criptoativo ainda mais fácil. 

 

Com a popularização e aceitação do Bitcoin por diversos países ao redor do mundo, as vantagens de usar tais criptoativos se tornam ainda maiores. 

A liberdade de burocracias governamentais acerca da criptomoeda e a possibilidade de utilizar, de forma livre e em qualquer lugar do mundo, faz com que o Bitcoin ganhe mais alcance.

 

Sua utilização em diversos segmentos permite que o público geral enxergue as vantagens que o Bitcoin tem para oferecer, bem como sua praticidade e seguridade, seja como investimento ou no dia a dia. 

Apesar de, atualmente, o Bitcoin ser mais comercializado como uma opção segura de investimento com retorno rápido, a crescente utilização da moeda demonstra a futura tendência que o criptoativo tem de se tornar uma forma de monetização popular. 

 

Por isso, investir na nova moeda é uma ótima jogada para quem visa facilidade e privacidade no futuro. 

E aí, vai ficar fora dessa? O que está esperando para adquirir seus criptoativos e começar a pagar contas com Bitcoin?

 

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.